Fandom

Wiki Death Note

Light Yagami

26 páginas
nesta wiki
Adicione uma página
Comentários0 Compartilhar
Light Yagami

Light.jpg

LightManga.jpg

LightMovie.png

Estréia
Mangá
Capítulo 1
Anime
Episódio 1
Filmes
Death Note
Death Note: The Last Name
Jogos
Death Note: Kira Game
Death Note: Successor to L
Informação Pessoal
Apelidos e Alcunhas
Kira
Light Asahi
L
L-Kira
Espécie
Gênero
Masculino
Tipo Sanguíneo
A
Data do Nascimento
28 de fevereiro de 1986 (1989 no anime)
Data da Morte
28 de janeiro de 2010 (2013 no anime)
Idade
17-18 (estréia)
23 (morte)
Altura
172 cm
Peso
54 kg
Família
Ocupação
Detetive
Afiliação
Atributos Oficiais
Inteligência
9/10
Criatividade
10/10
Iniciativa
8/10
Estabilidade Emocional
10/10
Habilidades Sociais (modos)
10/10
Atributo Adicional
Atuação: 10/10 (8/10 no anime)
Atores e Dubladores
Seiyū
宮野 真守 - Miyano Mamoru
Dublador
José Leonardo
Ator
藤原 竜也 - Fujiwara Tatsuya

Light Yagami (夜神月, Yagami Raito) é o protagonista de Death Note e a verdadeira identidade do assassino em massa Kira.jpg.

Um estudante que encontrou o Death Note de Ryuk e começou a matar criminosos, dizendo que se tornaria o "deus do novo mundo", logo o povo o reconhece como entidade e o apelida de Kira (pronúncia japonesa da palavra inglesa "killer" - matador). Seu arqui-inimigo é o detetive L, que tenta capturar Kira.

Conceito

A informação a seguir foi baseada em Death Note: How to Read 13.

Tsugumi Ohba disse que seu editor sugeriu o sobrenome "Yagami" para Light, e que não se preocupou muito com o significado do sobrenome (os kanji significam "noite" e "deus"), mas que na cena final do mangá, esse significado ficou bem mais "profundo." Takeshi Obata disse que não teve problemas em desenhar Light, pois a descrição dada a ele - "Um estudante brilhante que tem a cabeça um pouco fora do lugar" - era "precisa e detalhada." Conforme o mangá progredia, Obata simplificava o desenho removendo traços "desnecessários" e sentiu que ficou melhor em desenhar Light. Quando o capítulo 35 do mangá foi feito e Light perdeu suas memórias, Obata sentiu que devia "esquecer tudo que havia aprendido" e voltou a desenhar Light como no capítulo 1.

Obata disse que teve de se esforçar bastante para criar o guarda-roupa de Light, encontrando dificuldade em imaginar "as roupas de alguém brilhante", e que pesquisou em diversas revistas e moda. Obata então fez Light como um jovem "esperto e formal" que normalmente usa camisetas e evita jeans. Quando pensava nas cores das capas do mangá, Obata fazia as de Light o mais claras possíveis, criando um aspecto de "falta de cores" para o personagem. Quando perguntado com que personagem Ohba mais se assimilava, ele respondeu "Near e talvez Light", dizendo que ia bem na escola. Ohba também comentou que Light é seu segundo personagem preferido da série, mas que não sabe se isso é por gostar dele ou pelo fato de ter feito um personagem tão "diabólico" em uma revista acessível a crianças.

Aparência

Light possui cabelos e olhos castanhos, tendendo a vestir-se finamente, usando ou o uniforme escolar ou um terno. Ele é considerado um rapaz "bonito", um traço comentado pesadamente por Misa Amane e Kiyomi Takada, entre outras.

Personalidade

A informação a seguir foi baseada em Death Note: How to Read 13.
2lights.jpg

Light confronta seu "eu passado" antes de morrer.

Ohba diz que Light era "um jovem que podia entender a dor dos outros" quando encontrou o Death Note em sua escola. Ele também comenta que, se Ryuk não tivesse desenvolvido um interesse pelo mundo humano, Light teria se tornado "um dos maiores líderes policiais do planeta", que trabalharia com L para solucionar os mais difíceis casos. Ohba diz que a vida de Light foi "arruinada" pelo Death Note, e que ele sofreu do inescapável destino de desgraça dos humanos que usam o caderno.

Ohba descreve Light como tendo intenções de boa fé e tendo uma natureza deveras vaidosa. Light possui um desejo "distorcido" de se tornar deus, ou de alguma forma "divino", possui um genuíno amor por sua família e a boa intenção de tornar o mundo "um lugar melhor." Ele adiciona que debater de as ações de Light como Kira são boas ou más não é importante, e que vê Light como um personagem "diabólico." De acordo com Ohba, Light vê Misa Amane como "imoral" e "maligna", já que (por sua obsessão por Kira) mata pessoas independentemente de sua inocência, mesmo que estejam apenas o criticando. Ele a trata friamente, a não ser nas ocasiões que precisa usá-la, mas mesmo assim a mantêm viva após remover suas memórias pela segunda (e última) vez.

História

Cronologia Desconhecida

Light cresceu no Japão com sua família, que consistia de seu pai, o chefe de polícia Soichiro Yagami, sua mãe e dona de casa, Sachiko Yagami, e sua irmã mais nova, Sayu Yagami.

Encontrando o Death Note

LightDeathNote.png

Light encontra o Death Note de Shidoh.

No início da história, Light estudava na Academia Privada Daikoku, e em seu terceiro ano do ensino médio, atendia a aulas suplementares na Academia Preparatória Gamou.

Em 2003 (2006 no anime), Light descobriu um misterioso caderno de preto no chão, em cuja capa estavam gravadas as palavras inglesas Death (morte) Note (nota; gíria para caderno de anotações), traduzidas por Light como "caderno da morte". Lendo a primeira regra (o humano cujo nome for escrito neste caderno, morrerá), Light deixa o caderno de lado, duvidando de tal capacidade, mas logo volta atrás e o leva para casa. Após ler as regras escritas no caderno, ele o experimenta no suspeito Kuro Otoharada, confirmando sua morte por uma transmissão ao vivo, e autentificando o caderno. Depois de pensar se deveria ou não continuar matando, ele percebe que ninguém mais poderia carregar o fardo de eliminar criminosos e tornar-se o "salvador do mundo". Alguns dias depois, Ryuk, antigo dono do caderno, contata Light. O shinigami então explica que a razão pela qual deixara o caderno cair no mundo dos humanos foi o fato de estar entediado no Mundo Shinigami, e que o usuário do Death Note sofreria mais que os humanos comuns, sendo que, ao fim de sua vida, seu nome seria escrito no caderno de Ryuk. Light lhe diz que não se importa com estas condições, e que se tornaria o "deus do novo mundo" matando todos que classificasse como perversos.

Kira

LContraKira.jpg

Kira e L começam a caçar-se mutuamente.

O número de mortes causadas por Light atinge então uma escala monumental, atraindo a atenção das massas, que o nomeiam Kira. O detetive particular L, e a própria Interpol, desconfiam de assassinatos, apesar das mortes serem todas por parada cardíaca. O primeiro conflito entre Light e L ocorre pela televisão, começando com a transmissão feita por Lind L. Tailor, onde o mesmo, fingindo ser L, tenta convencer Kira a desistir dos assassinatos. Feita em inglês e traduzida para japonês com ajuda do tradutor Yoshio Anderson, esta transmissão dá a idéia de ser mundial, e quando Tailor diz que kira é "do mal", Light grita com sua TV e escreve o nome do falso L no Death Note sem pensar duas vezes.

Light pensa que acabara com o problema, mas então, após a morte de Tailor, a transmissão é cortada e a imagem de uma grande letra L, na fonte Old English, cobre a tela. Usando um sintetizador de voz, o verdadeiro L diz que Tailor era um criminoso no corredor da morte, cujos crimes e prisão nunca haviam vindo a público, e desafia Kira a tentar matá-lo. Depois de vários segundos, L constata que Kira deveria precisar do nome e rosto do indivíduo, e anuncia que a transmissão havia sido feita apenas na região de Kanto, no Japão, por ser a mais populosa, sendo que planejava transmiti-la em outras regiões do país. L fala então diretamente a Kira, dizendo que o encontraria e o executaria, nisso, Light declara o mesmo, e os dois anunciam serem a justiça.

FBI

LightStalker.jpg

Light e o vulto de seu perseguidor.

Agora trabalhando com a polícia, L forma uma força-tarefa para caçar Kira. Ao caminhar para casa de sua escola, Light é avisado por Ryuk que há um estranho o seguindo há alguns dias, e que, apesar de ser neutro em relação a sua batalha com L, sentia-se incomodado com a situação. Light se surpreende, mas se concentra em continuar caminhando normalmente, pensando em como descobriria a identidade de seu perseguidor. Ryuk então lhe explica o verdadeiro propósito do Death Note, transferir anos de vida de humanos para shinigami. Ele também comenta que, por seu desinteresse no mundo dos humanos, shinigami chegam a morrer por esquecerem de escrever nomes por vários séculos. Ryuk então revela a Light o segredo dos olhos dos shinigami, que permite-lhes ver o nome e a expectativa de vida de um humano acima de sua cabeça. Ele também diz que um acordo pode ser feito entre um humano e um shinigami, onde o humano receberia os olhos em troca de metade de seu tempo de vida restante. Light recusa imediatamente o acordo, pois precisaria viver bastante para governar sua utopia. Light pergunta a Ryuk se há mais algum detalhe que ele esquecera de mencionar sobre o caderno, ao que ele responde que "provavelmente não." Subitamente, Light tem uma ideia para descobrir a identidade de seu perseguidor, e começa uma série de assassinatos para testar as limitações do Death Note.

LightYuriPenber.jpg

Light, Yuri e Raye Penber no ônibus 174.

Light arranja um encontro com Yuri, então entrando em um ônibus (especificamente o ônibus 174) para o parque de Space Land, o perseguidor sentando em um banco logo atrás do casal. Pouco depois, um homem de aparência suspeita (Kiichiro Osoreda) embarca no ônibus, puxando uma arma e tomando os passageiros como reféns, exigindo que o motorista ligasse para o escritório de Space Land, exigindo que uma funcionária lhe trouxesse "todo o dinheiro do caixa de ontem." Ele marca o ponto do resgate a duas paradas do parque e ameaça que matará todos os passageiros se suas exigências forem negadas, desligando o telefone. Light mostra a Yuri um bilhete, comunicando a ela que tentaria tirar a arma do meliante quando este se virasse. O perseguidor diz a Light que isso seria perigoso demais e, após uma breve conversa, é convencido a revelar sua identidade, pois já estava convencido que o garoto não poderia ser Kira. O homem tira de seu bolso um distintivo do FBI e o mostra a Light, revelando chamar-se Raye Penber. Light diz então que acredita no agente, e pergunta se este possui uma arma, ao que ele responde que sim. Light então diz a Penber que deixaria ele cuidar da situação. Light então bota em prática a segunda parte de seu plano, deixando cair o bilhete que havia escrito a Yuri. Osoreda nota o movimento e pega o papel, o que alarma Penber, que prepara-se para sacar a arma. De repente, o criminoso então nota a presença de Ryuk e começa a gritar, perguntando o que era "aquela coisa" ao fundo do ônibus. O shinigami se surpreende pelo fato de Osoreda poder vê-lo e começa a dialogar com ele, mas o criminoso, assustado, diz a Ryuk que não se mova. O agente Penber constata que Osoreda estava alucinando e diz a todos que se abaixem. Ryuk finalmente entende o plano de Light, percebendo que o papel era, na verdade, uma folha do Death Note. O meliante começa a disparar contra o shinigami, esvaziando o carregador da arma e, ao notar que as balas passavam através de Ryuk, começa a correr em direção à saída, sendo atropelado e morto por um carro. Ao sair do ônibus, Penber diz a Light que está em missão secreta, ao que o garoto concorda manter seu encontro em segredo.

De volta à residência dos Yagami, Ryuk pergunta a Light se iria escrever o nome de Penber, ao que ele responde que seria suspeito fazer isso logo após eles se conhecerem, e que ele usaria o agente para descobrir as identidades de todo o pessoal do FBI no Japão.

Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.

Também no Fandom

Wiki aleatória